Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017
Imprensa

A evolução no procedimento operatório atrai pacientes

Astigmatismo, hipermetropia e miopia são anomalias comuns que afetam boa parte da população, em todas as faixas etárias. Para as pessoas que sofrem com problemas de visão, óculos e lentes de contato são objetos incorporados ao dia-a-dia e que chegam a afetar inclusive a auto estima.  Os motivos para isso acontecer podem variar do aspecto estético (sentir desconforto em utilizar óculos), ou, no caso das lentes de contato, pela falta de praticidade.
 
Mas com os avanços da medicina e da tecnologia, pessoas com problemas de miopia, hipermetropia e astigmatismo podem passar por uma cirurgia refrativa que na maioria dos casos resolve definitivamente o problema na visão ou ainda reduz consideravelmente a gravidade do problema.  A chegada dos aparelhos a laser, que esculpem a córnea do paciente com precisão milimétrica, tornou as operações refrativas mais seguras.  Graças aos avanços tecnológicos e ao brilhante trabalho dos especialistas a cirurgia refrativa desponta como um procedimento seguro e bem sucedido. Uma prova disso é o porcentual de insucesso deste procedimento: que é menor que 0,05% dos pacientes operados.
 
Antes de passar por uma cirurgia refrativa o paciente deve fazer exames que dão detalhes do olho e indicam se a córnea tem condições de passar pelo procedimento. Na Prontoclínica de Olhos, equipamentos de ultima geração garantem mais segurança e precisão nos exames e na própria cirurgia.  Um deles é o Pentacam, um dos aparelhos mais modernos do mundo, que mede com precisão a córnea do olho, determinando assim se o paciente pode ou não fazer a cirurgia.
 
A Prontoclínica de Olhos também está utilizando o microcerátomo muriah evolution 3, um dos equipamentos mais avançados da área, que proporciona um corte mais fino, regular e extremamente seguro. Na cirurgia também estão sendo utilizados o allegretto e o Femto. Equipamentos que proporcionam precisão, velocidade, além de serem menos invasivos. Com isso, o tempo de cirurgia também diminui, dependendo do grau, pode ser em menos de dez minutos. O pós-operatório também é rápido: O paciente demora 24 horas para enxergar perfeitamente.
Visão: A visão nítida é resultado da focalização das imagens na retina, tão logo passem através dos meios transparentes do olho (córnea, aquoso, cristalino e vítreo) transformando-se em impulso nervoso que é, então, transmitido ao cérebro. Quando a imagem não é focalizada sobre a retina, a visão não é nítida, estabelecendo-se, assim, os diferentes erros de refração.
Os erros de refração:
 
Miopia: Dificuldade para enxergar longe. Afeta cerca de 25% da população. Normalmente, a miopia ocorre devido a um globo ocular muito comprido. Dessa maneira, as imagens dos objetos localizados à distância, convergem para um ponto focal antes de alcançar a retina e formam-se de maneira borrada, produzindo baixa visual que será proporcional
à gravidade do problema.
 
Hipermetropia: Dificuldade para enxergar de perto. A hipermetropia é o contrário da miopia, ou seja, a imagem dos objetos é focada atrás da retina.
Astigmatismo: Dificuldade para enxergar de longe ou de perto, conforme se associe à miopia ou à hipermetropia .O astigmatismo é uma deformidade na curvatura da córnea, causando o foco de uma imagem em um eixo mais próximo e num outro eixo mais distante da retina.
 
Presbiopia: Dificuldade para enxergar de perto, devido a idade (vista cansada).
 
Mara Godeiro
Assessoria de Imprensa
(84)3201.0501 / 8872.6308
mara@oficinadanoticia.com.br

Cadastre seu e-mail

Jornalista, cadastre seu e-mail e receba os releases sobre nossos clientes.






Oficina Agência do Nordeste - Rua Pastor Jerônimo Gueiros, 1400 - Tirol, Natal/RN - CEP: 59.020-660. Telefones de contato: (84) 3201-0501 / (84) 3211-5304
Aberje
Abracom
ponto criativo